Publicidade
Opinião

Com confiança para encarar o segundo desafio na Série D

Por Matheus Beck
Publicado em: 11.06.2021 às 03:00 Última atualização: 11.06.2021 às 14:05

O 4 a 1 foi suavemente degustado no Cristo Rei. O jogo foi aberto, alguns problemas defensivos foram vistos, mas algo natural de quem passa por uma transição. E diante de um elástico placar em estreia na inédita Série D, se estabelece como necessária a relevação momentânea destes erros. Foi realmente muito importante o aproveitamento ofensivo do Índio. Verticalidade, personalidade dos jovens que começam a trilhar uma caminhada com a camisa aimoresista e, ao mesmo tempo, a responsabilidade assumida pelos esteios da espinha dorsal construída pelo técnico Gilson Maciel. É empolgante e, ao mesmo tempo, estabelece holofotes ao clube Capilé que, momentaneamente, é o líder isolado do grupo A8. Contra o Joinville, sábado, às 15 horas, na Arena da equipe catarinense, um empate não é mal resultado. O próximo adversário estreou com um 3 a 3 com o Cascavel e deve passar por algumas mudanças.

A adição de qualidade

Se o sistema ofensivo do Índio teve ótimo desempenho, a notícia é ainda mais positiva. O atacante Isaías, que estava em empréstimo junto ao São Paulo Crystal da Paraíba, já retornou e treina com o grupo. Tem qualidade, é experiente e adiciona ótima alternativa principalmente para o contexto da próxima partida. Contra uma equipe experiente, um clube de tradição, estas peças responsáveis pelo escape serão muito importantes. Ao mesmo tempo e imagino que isso esteja ocorrendo, é preciso uma maior atenção com as coberturas dos laterais.

Base aimoresista com força

Com novo projeto, a escolinha do Aimoré tem colhido bons resultados. O mais recente foi na Copa Soccer Sports. Na Sub-20, o Índio venceu o clássico pelo placar de 2 a 1 com gol de Matheusinho no final da partida. Já na Sub-15, o Aimoré está invicto e saiu com empate de 3 a 3 diante do Novo Hamburgo. No próximo domingo, o clube volta a enfrentar o Noia pelo returno da competição na Sub-17 e 20. Já na Sub-15 enfrenta o São José em Porto Alegre. Na próxima semana o clube fará avaliações para novos atletas. Contato com Marcelo Freitas (99913.6370)

Sapucaiense em desvantagem

A etapa classificatória foi de um Sapucaiense empolgante. Nas quartas de final da Segunda Divisão, no entanto, diante de um time com jogadores experientes como o São Borja, o Sapo foi derrotado por 2 a 0. Para se recuperar e seguir sonhando com a dia à Divisão de Acesso, a equipe entra em campo hoje, às 15 horas, em casa.

Novo Horizonte em campo

O Novo Horizonte de Esteio faz a primeira partida dos matas hoje, às 15 horas, no Estádio do Vale - locado para o jogo - contra o Santa Cruz. Depois de muita confusão pelo WO na última rodada da primeira fase, o Verdão conseguiu se manter na competição. O decisivo jogo da volta ocorre na segunda-feira, às 15 horas, no Estádio dos Plátanos.


O artigo publicado neste espaço é opinião pessoal e de inteira responsabilidade de seu autor. Por razões de clareza ou espaço poderão ser publicados resumidamente. Artigos podem ser enviados para opiniao@gruposinos.com.br
Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.