Publicidade
Botão de Assistente virtual
Notícias | verao NA ONDA DO SKATE

Ao lado do mar, também dá para 'surfar' no concreto

Pista de Skate da Beira-Mar em Tramandaí fortalece o esporte e ganha novos adeptos no Litoral

Por Joceline Silveira
Publicado em: 14.01.2022 às 08:00 Última atualização: 14.01.2022 às 09:15

Apesar de ter sido criado por surfistas na década de 1960, na Califórnia, Estados Unidos, o skate evoluiu em áreas urbanas, com a modalidade street, deixando as praias um pouco de lado. Mas isso vem mudando ao longo dos anos.

Pista de skate de Tramandaí fica junto da orla da praia
Pista de skate de Tramandaí fica junto da orla da praia Foto: PAULO PIRES/GES

No Litoral Norte, há espaços públicos com rampas ou pistas destinadas aos skatistas, como em Balneário Pinhal, Tramandaí, Arroio do Sal, Capão da Canoa, Torres e Xangri-lá, por exemplo. Em Tramandaí, quem quiser andar é só chegar na Pista de Skate da Beira-Mar. Localizada entre a Rua 24 de Setembro e a Avenida Rubem Berta, o local permanece o dia inteiro aberto aos moradores e turistas.

Quem está curtindo a pista de skate é o garoto Arthur Carvalho da Silva, de 6 anos. Fã do esporte sobre quatro rodinhas, ele mostrava suas habilidades na pista de concreto ao lado do mar. "Ele adora vir aqui, se sente em casa e pede todos os dias para darmos uma passadinha", revelou a orgulhosa avó, Sara Fossati, 50 anos.

Moradora da Capital das Praias, ela aproveitou o intervalo do almoço para atender ao pedido do neto. "É legal porque dá pra fazer manobra", completou o pequeno skatista entre uma subida e outra da rampa. Ali perto estava o estudante Pedro Henrique Severo, de 13 anos. "Sou de Imbé e venho sempre que posso para andar. Aqui é muito bom", disse Pedro.

Após a inauguração oficial, em 2019, o objetivo da construção da pista é atender à comunidade do entorno, incentivando a prática esportiva no município, mas também atrair mais competidores para futuros campeonatos.

Estrutura faz aumentar interessados

Entusiasta do esporte como inclusão, o professor e presidente da Federação Gaúcha de Skate (FGSKT), Régis Lannig, destaca que a pista é resultado da luta dos skatistas de Tramandaí. "A maior parte dos usuários da pista é de jovens e crianças. Não nasceu hoje a prática por aqui, mas não havia um local bom para treinar. Com isso, sem dúvida já estamos notando o aumento no número de interessados no esporte", afirma.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.