Publicidade
Botão de Assistente virtual
Notícias | verao OPERAÇÃO VERÃO

Guarda-vidas que atuam no litoral gaúcho relatam atraso nos salários

Janeiro é o segundo mês de atuação dos guarda-vidas nesta temporada. Muitos ainda não receberam a remuneração do mês passado

Publicado em: 13.01.2022 às 14:13 Última atualização: 13.01.2022 às 15:26

Guarda-vidas que atuam no litoral gaúcho relatam atraso nos pagamentos. Parte deles está no segundo mês de trabalho e ainda não recebeu a remuneração referente ao primeiro mês. 

Guarda-vidas atuam durante o verão em todo o litoral gaúcho
Guarda-vidas atuam durante o verão em todo o litoral gaúcho Foto: Diego da Rosa/GES
Um guarda-vida de 28 anos que atua no Litoral Norte conta que está trabalhando desde o dia 11 de dezembro. Ele deveria ter recebido seu primeiro pagamento no dia 31 de dezembro, mas, na data, seu nome ainda não havia sido incluído na folha do Estado. Dessa forma, ele só deve receber no fim deste mês, quando a próxima folha de pagamento for concluída. 

Ele relata que colegas estão encontrando dificuldades para pagar a alimentação e a estadia nos últimos dias, já que a maioria sai do interior do Estado para trabalhar no litoral durante o verão e depende do salário para as despesas.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP) do RS, "os processos administrativos para contratação tanto dos guarda-vidas de recertificação (que já atuaram na operação) quanto os da certificação (primeiro ano na operação) estão em fase final de encaminhamento a Casa Civil para inclusão na folha do Estado. Alguns acabaram não recebendo em 30 de dezembro, pois ingressaram após o fechamento da folha do referido mês".

A SSP esclarece que o cadastro no sistema de pagamento será realizado assim que o processo estiver finalizado e eles irão receber normalmente. A previsão é que todos recebam no dia 30 de janeiro.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.