Publicidade
Botão de Assistente virtual
BAH!rulho

Indie rock e pós-punk influenciam álbum de estreia da Stall The Örange

Por André Heck

Capa do disco foi criada pela designer catarinense Laura Marchi
Capa do disco foi criada pela designer catarinense Laura Marchi Foto: Divulgação
Stall The Örange, projeto liderado por Luiz Libardo, lança no próximo dia 26 de novembro, em todas as plataformas musicais, o disco de estreia, Colours Are Distorted. Natural de Brusque (SC), o artista assina a composição, execução e produção de todas as faixas do disco, lançado de forma independente.

O EP de estreia divulgado há um ano, intitulado It’s a Chromatic Circle, But, deu as boas-vindas ao grupo no cenário underground catarinense. E o batismo do novo trabalho foi pensado justamente para se conectar com o EP: It´s a Chromatic Circle, But Colours Are Distorted, iniciando assim uma narrativa singular.

Dualidade de mundos, reflexões existencialistas, impermanência e relações humanas, são temas discorridos ao longo das dez faixas gravadas entre 2018 e 2020, no Pistache Estúdio em Brusque, e produzido por Luiz junto a Davi Carturani. A atmosfera do álbum resgata aquele indie rock que dominou o mundo em meados de 2006, aglomerando as casas de rock da Rua Augusta em São Paulo, trazendo também elementos do pós-punk dos anos 80, new wave, dream pop e rock alternativo, temperado pela sonoridade neo psicodélica presente em algumas faixas.

“Após passar por um período tomado pela síndrome do pânico, a percepção da realidade tinha sido totalmente distorcida. Ao mesmo tempo em que identificava que estava interpretando o mundo ao seu redor de forma deformada, me encontrava preso a ideias e pensamentos que não existiam. Era uma dualidade que enfrentava diariamente, e que motivou a escrever as músicas do álbum”, revela Luiz. O Bah!rulho te deixa com os singles Don Drp, That's Nöt Me Anymore e Wish. Se liga aí: 

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.