Publicidade
Acompanhe:
Blog Arquibancada

A exigência do PC, os ganhos e perdas no grupo, demissão no Pelotas e a Confraria

Por Matheus Beck

Particularidades marcam a gestão da atual comissão técnica aimoresista nesta Copa Seu Verardi. Desde o perfil dos treinamentos, do relacionamento com os atletas ao nível de exigência. Ocupo este espaços desde 2016, mas acompanho a situação Índia de perto há pelo menos dez anos. Não me recordo de algo semelhante. PC de Oliveira falou ontem, retratou uma espécie de estagnação do grupo. Esta preocupação, em minha leitura, é vista de maneira positiva. Mesmo com a melhor campanha da competição até o momento, PC compreende que nos matas a régua subirá. As facilidades podem se manter nas quartas, dependendo do adversário, mas se a obsessão envolve o título, o trabalho preventivo é algo fundamental. A comissão está muito atenta a este detalhe. PC exige a constante evolução e tem cobrado dos atletas. Importante.

Em alta nas movimentações

Os três primeiros dias da semana foram de bola rolando. Desta forma, já é possível enxergar alguns destaques. Jorge Pedra pede passagem, Germano oferece intensa alternativa para a lateral esquerda, em caso de ausência de Márcio Goiano. O recém contratado Eder também demonstra potencial.

Perdendo espaço

Willian Gaúcho seria o substituto automático do lesionado Régis, mas a verdade é que não tem oferecido grande performance. O centroavante Rhainer, suplente, parece deslocado. Não tem demonstrado grandes esforços para brigar com Matheus. Há boatos inclusive de retorno ao Bangu.

Técnico demitido em Pelotas

Felipe Endres não é mais técnico do Pelotas. Um comunicado oficial foi informado pela página oficial do clube. A equipe está em terceiro no grupo A. O técnico não resistiu depois de perder para o Bagé, no sábado, por 2 a 0, no Pedra Moura. A direção deve oficializar o novo comandante hoje.

Confraria Índio Capilé

Na segunda-feira, ocorrerá mais uma Confraria Índio Capilé. O encontro será na Donatta Pizzeria (Rua Osvaldo Aranha, 1113), às 19h30, ao custo de R$ 28,90. Os homenageados serão o ex-jogador Mauro  Garibaldi e a Escola João Carlos Von Hohendorf pela premiação no documentário “Aimoré contigo ninguém acaba”.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.