Publicidade
Notícias | Mundo Estados Unidos

Carta com veneno endereçada a Trump é interceptada pela Polícia

Cartas com a mesma substância letal também foram enviadas para escritórios federais no Texas

Publicado em: 19.09.2020 às 19:21 Última atualização: 19.09.2020 às 19:22

Uma carta com uma substância suspeita foi interceptada pelo serviço postal da Casa Branca durante esta semana nos Estados Unidos. Fontes do FBI confirmaram a presença de ricina dentro de um envelope. A substância é letal e pode ser naturalmente extraída da mamona. As informações são do jornal The New York Times.

De acordo com a publicação, fontes do Serviço Secreto disseram ao jornal que o envelope foi enviado de um endereço no Canadá. Segundo a publicação, o material tóxico foi recolhido antes de chegar ao centro de distribuição que fica dentro da sede do governo norte-americano.

Cartas com a mesma substância letal também foram enviadas para escritórios federais no Texas. Os investigadores estavam tentando rastrear quem os enviou e se mais cartas circulavam pelo sistema postal.

Ricin, que faz parte dos resíduos produzidos quando o óleo de rícino é feito, não tem antídoto conhecido.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.