Publicidade
Esportes | Grêmio Tricolor

Grêmio consegue empate sofrido contra Fortaleza

Tricolor saiu em desvantagem no placar em plena Arena e buscou o empate após Diego Souza cobrar uma penalidade máxima duas vezes

Por Moacir Fritzen
Publicado em: 13.09.2020 às 20:31 Última atualização: 13.09.2020 às 20:31

Diego Souza comemora o gol de empate com Éverton Foto: Lucas Uebel/Grêmio
O Grêmio suou bastante para somar um ponto no empate com o Fortaleza, por 1 a 1, neste doming (13), na Arena, em Porto Alegre, pelo Brasileirão. O Tricolor tinha como meta vencer para avançar na tabela de classificação, mas não conseguiu repetir o feito da rodada anterior contra o Bahia. Na quarta-feira (16), às 21h30, os gremistas encaram a Universidad Católica pela Libertadores.

CONTEÚDO ABERTO | Leia todos os conteúdos sobre coronavírus

O primeiro gol da partida foi marcado por Osvaldo, do Fortaleza, aos 16 minutos de jogo - ele tentou fazer um cruzamento para área, mas a bola que acabou não desviando em David entrou direto na meta defendida por Vanderlei. "Foi sem querer, querendo", como dizia o Chaves, personagem de Roberto Bolaños. Mas o gol valeu, mesmo que a intenção não fosse bem aquela.

O Tricolor chegou ao empate aos 6min do segundo tempo, após pênalti do zagueiro Juan Quintero sobre Éverton, que o árbitro Igor Junio Benevenuto confirmou. Na primeira tentativa, Diego Souza cobrou a penalidade máxima e o goleiro Felipe Alves espalmou, mas Luiz Fernando chutou para a rede no rebote. A arbitragem anulou a cobrança por causa de uma invasão na área. Na segunda batida, Diego Souza converteu direto: 1 a 1.

Aos 25min, Gabriel Dias e Luiz Fernando foram expulsos após trocarem empurrões e ofensas. Aos 40min, Orejuela tocou a bola para o gol após duas defesas salvadoras de Felipe Alves, em conclusões de Pedro Geromel e do próprio camisa 17. A arbitragem anulou o gol e assinalou a posição de impedimento no ataque. Outra notícia ruim para os gremistas: Maicon saiu machucado.

O jogo

Domingo (13) / Arena, em Porto Alegre.

Árbitro: Igor Junio Benevenuto (MG), auxiliado por Guilherme Dias Camilo (MG) e Sidmar dos Santos Meurer (PR)

Grêmio 1

Vanderlei; Orejuela (Guilherme Azevedo), Pedro Geromel, David Braz e Bruno Cortez; Darlan, Maicon (Robinho), Alisson, Éverton (Ferreira) e Isaque (Luiz Fernando); Diego Souza.

Técnico Renato Portaluppi

Fortaleza 1

Felipe Alves; Gabriel Dias, Quintero, Paulão e Carlinhos (Bruno Melo); Ronald (Luiz Henrique), Juninho, Romarinho, David (Yuri César) e Osvaldo (Derley); Wellington Paulista (Marlon).

Técnico Rogério Ceni

 

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.